Governo do Estado define calendário de pagamento

O Governo do Rio Grande do Norte definiu as datas de pagamento da folha salarial de janeiro. A quitação do primeiro vencimento de 2020 repetirá as datas utilizadas em dezembro passado, segundo divulgou o Poder Executivo do Estado nesta quarta-feira (8).

Assim, na próxima quarta (15), serão pagos os salários dos servidores que recebem até R$ 4 mil, dos integrantes da área de Segurança Pública e 30% para os servidores do governo que ganham acima de R$ 4 mil.

Ainda de acordo com o Governo do Estado, a folha será quitada no dia 31, com o pagamento dos 70% restantes para quem ganha acima de R$ 4 mil, dos servidores de órgãos com arrecadação própria e dos servidores ativos da Educação.

Segundo o Poder Executivo, o planejamento é de que o restante do calendário de pagamento para 2020, com exceção do 13º salário, seja definido no próximo dia 15, data em que haverá uma reunião entre a equipe econômica da gestão estadual e o Fórum Estadual dos Servidores do Rio Grande do Norte.

8 de janeiro de 2020 - 20:52h

Chuvas no Trairí

Registro de chuva de ontem(7) e hoje(8) de Janeiro . Para felicidade do homem do campo, o ano começa sendo abençoado com chuva.

No sítio Serra Branca, município de Campo Redondo, na região Trairí de ontem para hoje o acumulado de 106mm( na terça choveu 50mm) enquanto que na tarde desta quarta feira choveu (56mm), com relâmpagos e trovoadas, e no município de Campo Redondo também foi uma tarde chuvosa.

Confira abaixo alguns registros de chuvas em outras comunidades rurais:

Centro da cidade: 24mm (Informacao de Cazuza)
Sítio Bulandeira: 56mm (Nilson) 
Conjunto Lauro Maia:20mm (Eudes)
Lagoa do Meio: 20mm (Welson)
Giromão:08mm (Silvana)
Baldo:10mm (Teca)

Fonte: JSBlogueiro

Que seja o ano de fartura. Queremos aqui compartilhar as precipitações pluviométricas de vários lugares. Assim seja, se Deus quiser.

8 de janeiro de 2020 - 17:26h

Saiba como se inscrever no Fies 2020

Criado em 2001, o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Ministério da Educação que tem como objetivo financiar, com juro real zero, no mínimo 50% da mensalidade em cursos de universidades particulares para estudantes de baixa renda. Em 2020. No primeiro semestre deste ano ficarão abertas as inscrições de 05 a 12 de Fevereiro. A oferta do programa é de 100 mil vagas.

Quem tiver interesse, deve acessar o site https://fiesselecaoaluno.mec.gov.br/usuario-lo e fazer o cadastro.

7 de janeiro de 2020 - 11:00h

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio estimado em R$ 6 milhões

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (8) um prêmio estimado em R$ 6 milhões. As seis dezenas serão sorteadas a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço Loterias Caixa, localizado no Terminal Rodoviário do Tietê, na cidade de São Paulo. O sorteio é aberto ao público.

7 de janeiro de 2020 - 10:50h

Ano bissexto: nascimento no dia 29 exige registro na data certa

Independente de ser um ano bom ou ruim, 2020 vai demorar mais a passar. O ano é bissexto, tem 366 dias, o dia 29 de fevereiro a mais, excepcionalmente. Um fenômeno que ocorre, de quatro em quatro anos, pela quingentésima quarta (504ª) vez na Era Cristã, mas ainda provoca curiosidade, causa brincadeiras e vira pauta de matéria.

O ano bissexto foi criado pelos romanos na época do imperador Júlio César para adequar o calendário ao tempo que a Terra leva para dar uma volta completa em torno do Sol. A translação (volta ao redor do Sol) não é feita em exatos 365 dias, mas sim em 365 dias, cinco horas, 48 minutos e 46 segundos. Essa fração de tempo é arredondada para seis horas e é compensada no ano bissexto, já que seis horas, em quatro anos, são 24 horas, ou seja, mais um dia.

“Um dia a mais é uma compensação humana para as exigências da natureza, relativa ao movimento de translação da Terra que produz as estações do ano. Convencionou-se o acréscimo de um dia ao mês de fevereiro, sendo o 29º dia, auge do inverno no Hemisfério Norte e do verão no Hemisfério Sul”, explica a jornalista e astróloga Aline Macari que mantém site na internet [http://www.aastrologa.com.br/] para falar de signos, mitologias e até analise junguiana.

Segundo ela, a década que se inicia com a repetição de dois números (2020) num ano bissexto aumenta a mística e torna o ano “ainda mais exótico”, mas não merece predições negativas. “O ano contendo 366 dias pode ser, para alguns, sinal de mau agouro, por terminar em 66, faltando apenas mais um 6 para que se tenha o número da chamada besta: 666. Uma tolice sem tamanho que não corresponde nem à realidade ao nosso redor, nem à realidade psíquica profunda, a não ser que queiramos reviver as nossas mais obscuras e inúteis superstições”, critica.

Fonte: Agora RN

6 de janeiro de 2020 - 10:12h

Desemprego dos pais empurra filhos mais cedo para o mercado de trabalho

Carteira de Trabalho. Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Quando a paulistana Beatriz Ferreira, de 18 anos, começou a vender panos de prato em uma esquina da avenida Paulista, na região central de São Paulo, no ano passado, ainda nem tinha saído da escola. Com nove desempregados na família, ela não teve outra alternativa, além de sair para tentar ganhar alguns trocados, enquanto os pais tentam voltar para a formalidade.

“A gente tem de aproveitar até a época do Natal, enquanto as pessoas estão circulando mais pelas lojas, para tentar ganhar um pouco mais. Lá em casa, ninguém trabalha registrado e todos têm de se virar para conseguir sobreviver. É duro, mas é o que a gente tem agora e não adianta ficar reclamando”, contou, em dezembro.

Histórias como a dela são cada vez mais frequentes. A crise tirou empregos dos chefes de domicílio ou fez com que eles tivessem de aceitar novas ocupações que não pagavam o suficiente para sustentar a família, levando os companheiros e filhos a anteciparem a entrada no mercado, muitas vezes pelo caminho da informalidade.

Dados mais recentes da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, do terceiro trimestre de 2019, apontam que a taxa de participação de dependentes no mercado de trabalho alcançou 60,1% – mais do que no mesmo período de 2018 (58,8%) e bem acima do que havia sido registrado em 2014, antes da recessão, quando os dependentes eram 55,8%.

No terceiro trimestre do ano passado, eram 59,2 milhões de brasileiros que não eram chefes de domicílio e faziam parte da mão de obra disponível – 6 milhões a mais do que cinco anos antes, quando o País não tinha enfrentado a recessão.

Os números, compilados para o Estado pela consultoria IDados, também mostram que os chefes de família ainda são maioria na força de trabalho, mas o desemprego e a dificuldade de recolocação tornaram cada vez mais difícil para eles a conquista do emprego.

No fim de 2012, ano em que a Pnad começou a ser feita, a participação desses chefes de domicílio no mercado de trabalho batia em quase 70%. Sete anos depois a queda registrada é de quase quatro pontos porcentuais.

Para Bruno Ottoni, economista da iDados, esse cenário é ilustrativo da atual situação do mercado de trabalho: a recuperação até ocorreu em 2019, mas foi lenta e puxada por vagas de menor remuneração. “A participação dos mais jovens aumentou quase três pontos porcentuais desde a recessão; a de mulheres, quatro pontos porcentuais. A família precisou se reorganizar para tentar se manter”, avalia.

“Há um esforço de toda família, e o desemprego de longa duração leva a pessoa a agarrar a primeira oportunidade”, diz Clemente Ganz Lúcio, diretor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese).

Fonte: Agora RN

6 de janeiro de 2020 - 10:02h

Prefeito de cidade do RN renuncia ao cargo após passar em concursos públicos

O município de Santana do Matos, interior do Rio Grande do Norte, tem uma nova prefeita a partir deste domingo (5). Entrando no último ano de gestão, o prefeito eleito em 2016, José Edvaldo Guimarães Junior, mais conhecido como Dr. Júnior (PR), renunciou ao mandato para assumir outros cargos públicos. Dessa vez, como servidor concursado.

“Graças a Deus vieram essas duas conquistas inesperadas, mas estou deixando a prefeitura com a minha vice, com quem tenho uma relação política muito bem consolidada e que vai manter a continuidade do meu trabalho”, disse Dr. Júnior ao G1.

As informações foram confirmadas pelo chefe de gabinete da Prefeitura de Santana do Matos, Saul Macêdo. “Ontem (sábado, dia 4) ele se reuniu com os secretários e expôs a situação. Era algo que alguns já esperavam”, afirmou.

A transmissão do cargo para a vice-prefeita Maria Alice Silva (PSD) ocorreu neste domingo (5) na Câmara Municipal de Santana do Matos.

De acordo com o até então assessor, Edvaldo Júnior é medico neurologista e foi convocado para assumir cargo federal como professor de Medicina na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

O profissional também assume outro cargo como concursado na Secretaria Estadual de Saúde Pública (veja a convocação). Segundo Saul, o profissional vai exercer sua atividade no Hospital Walfredo Gurgel – maior hospital público do estado, localizado em Natal.

Fonte: G1 RN

6 de janeiro de 2020 - 9:59h

Começam a valer limite de juro e novas regras do cheque especial

Começam a a valer a partir desta segunda-feira (6) o limite de 8% para a taxa mensal de juros do cheque especial e também novas regras que permitem a cobrança de tarifa pelos bancos para disponibilizar esse crédito.

A cobrança de tarifa só será permitida nesse primeiro momento para novos contratos. Para quem já tem cheque especial, a mudança nas regras passará a valer a partir de 1º de junho.

Essas alterações foram definidas em novembro do ano passado pelo Banco Central. Até então, não havia um limite para a taxa do cheque especial – uma das modalidades de crédito mais caras do país e utilizadas sobretudo pela população de menor renda –, e os bancos só eram remunerados quando os clientes de fato faziam uso da modalidade.

FOnte: G1 RN

6 de janeiro de 2020 - 9:57h

Mulher de 19 anos mata companheiro com tiro e é presa após ligar para a polícia no interior do RN

Uma jovem de 19 anos foi presa na noite deste sábado (4) em Caicó, na região Seridó potiguar, após matar o companheiro dela a tiros e, em seguida, ligar para a polícia. O caso aconteceu na Zona Norte da cidade. Apesar da detenção, a Polícia Civil trata o caso como legítima defesa.

De acordo com a versão contada pela jovem à polícia, o crime teria sido motivado pela violência do homem contra ela. Segundo a Polícia Civil, Ailton Arthur Dantas Santos, de 25 anos, tinha uma arma de fogo registrada. Durante uma briga, a mulher teria alcançado a pistola e disparado um tiro contra ele.

Após ligar para a polícia, a mulher permaneceu no local e foi levada à delegacia de plantão, onde confessou o crime e permanecia detida na manhã deste domingo (5).

Segundo a Polícia Civil, ela informou que tinha um relacionamento de aproximadamente dois anos com o homem. Eles moraram juntos um tempo, logo no início do namoro, mas haviam se separado, porque o homem a maltratava. Apesar de não agredi-la fisicamente, seria violento nas palavras.

O casal havia retomado o relacionamento há cerca de um mês e voltou a morar junto. Porém o homem teria ficado excessivamente ciumento, chegou a agredi-la fisicamente, inclusive com faca e ameaçá-la com arma de fogo.

Durante uma briga, que envolvia uma dessas ameaças, neste sábado (4), a mulher alcançou a arma que o homem havia soltado e atirou contra ele.

A princípio, a Polícia Civil informou que o caso é considerado legítima defesa, porém a mulher permaneceu detida para o caso também ser avaliado pelo judiciário.

Fonte: G1 RN

6 de janeiro de 2020 - 9:56h

Adelson Santos, assume interinamente a gerência do escritório Regional da CAERN

A partir da próxima segunda (06) até o dia 25 do mês corrente,o chefe da receita do escritório local da CAERN de Currais Novos, Adelson Santos, assume interinamente a gerência do escritório regional da companhia, que fica situada em Caicó.

O atual gerente Rosi Gurgel estará de ferias. Parabéns e boa sorte,é o que desejamos.

4 de janeiro de 2020 - 22:29h