Casos de Covid no Rio Grande do Norte voltam a crescer, a Sesap nega 2ª onda

Após um período de crescimento exponencial, queda e estabilização, a pandemia da covid-19 rompeu o oitavo mês no Rio Grande do Norte com um novo aumento de casos observado pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). Na última quinzena, a média de infecção passou de 238 novos casos por dia para 263, segundo a Sesap informou na quarta-feira (18). O aumento é de 10% no período, mas a pasta não considera que o Rio Grande do Norte esteja em uma segunda onda da pandemia.

Segundo a Subcoordenadora de Vigilância Epidemiológica da Sesap/RN, Alessandra Lucchesi, a média de novos casos cresceu após dois meses de estabilização, mas que não se configura “um crescimento exponencial” que possa ser chamado de “segunda onda”.

Nesse caso, a segunda onda no Estado seria a partir de uma média de pelo menos 420 casos por dia. Isso porque durante o pico da pandemia, o observado foi uma média de 900 casos/dia. Com o período de estabilização, em torno de 200 casos/dia, o cálculo seria 60% sobre a diferença entre o pico e a ‘base’ da curva.

Ainda não há recomendações da Secretaria à governadora Fátima Bezerra no sentido de fechamento das atividades econômicas, reabertas a partir de julho. A estratégia atual é mapear os casos confirmados para interromper a contaminação e testar o máximo possível.

20 de novembro de 2020 - 9:16h

Ministério da Saúde fará campanha de conscientização sobre eficácia de vacinas contra Covid-19

O Ministério da Saúde pretende lançar em dezembro uma campanha para dar segurança à população sobre a eficácia de vacinas que podem ser usadas contra a Covid-19 no futuro. Segundo o secretário de vigilância em saúde, Arnaldo Correia, o objetivo da estratégia é informar sobre o processo de produção e aprovação dos imunizantes. Ele ressalta que a pasta deve fazer outras ações assim que houver a definição do total de doses, datas de aplicação e população a ser vacinada.

Uma análise preliminar aponta idosos, pessoas com doenças crônicas e profissionais de saúde como os possíveis grupos prioritários para iniciar a vacinação. A definição, porém, vai depender do perfil das vacinas que forem aprovadas. O governo federal vai concluir ainda nesta semana uma rodada de reuniões com representantes de cinco desenvolvedores de vacinas contra a Covid-19.

20 de novembro de 2020 - 9:03h

Governadora participa da formatura de 1.022 novos soldados

A governadora Fátima Bezerra participa da solenidade de formatura dos 1.022 novos soldados da Polícia Militar que iniciaram seu processo de formação no começo de 2020.

O evento encerra oficialmente o curso de formação de novos praças da Polícia Militar e ocorrerá nesta sexta-feira (20), às 17h, no Centro de Convenções de Natal, na Via Costeira. O grupo já cumpriu sua primeira missão oficial no dia 15 de novembro, integrando a operação de segurança durante o pleito eleitoral.

20 de novembro de 2020 - 8:43h

TSE marca eleição em Macapá para 6 e 20 de dezembro

O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu hoje (19), por unanimidade, marcar a eleição municipal em Macapá para os dias 6 de dezembro, em primeiro turno, e 20 de dezembro, em segundo turno, se houver.

Macapá é a única cidade brasileira que não foi às urnas no último domingo (15) para escolher o novo prefeito e os vereadores. O adiamento foi determinado pela Justiça Eleitoral na semana passada, em decorrência da calamidade pública causada pelo apagão no estado. As novas datas, porém, foram marcadas apenas nesta quinta-feira (18).

Num primeiro momento, o segundo turno seria realizado em 27 de dezembro, mas o Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP) solicitou a antecipação para 20 de dezembro, para evitar votação entre o Natal e o Ano Novo. O plenário da corte local aprovou ontem (18) as novas datas. A proposta foi aceita pelos ministros do TSE, após sinal verde da área técnica do tribunal.

20 de novembro de 2020 - 8:34h

Décimo terceiro de quem teve redução salarial deve ser integral, afirma Ministério da Economia

Trabalhadores que tiveram a jornada e o salário reduzidos durante a pandemia do novo coronavírus terão direito a 13º salário e férias integrais, de acordo com nota técnica da Secretaria do Trabalho do Ministério da Economia. Já os funcionários que tiveram o contrato suspenso terão cálculo proporcional de 13º e férias, conforme o número de meses em que se trabalhou 15 dias ou mais. De acordo com a Secretaria do Trabalho, décimo deve ser calculado sobre o salário integral. Montante pago à título de 13º no RN deve crescer 4,34% este ano, aponta Dieese. A primeira parcela da gratificação natalina é paga no próximo dia 30 de novembro.

19 de novembro de 2020 - 9:18h

Voz do Brasil voltará a ter horário fixo, decide STF

Brasília, DF, Brasil: Estúdio Voz do Brasil. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

A Advocacia-Geral da União divulgou na noite de quarta feira (18) em suas redes sociais que garantiu junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o programa Voz do Brasil, produzida pela Empresa Brasil de Comunicação (EBC), volte a ser veiculado em horário nobre nas rádios brasileiras.

Segundo a AGU, a motivação da veiculação em horário fixo é “para que as informações de interesse público cheguem ao maior número de brasileiros possível.”

Em 2018, foi sancionada a lei que flexibilizou o horário do programa, que, até então, era transmitido pelas emissoras, obrigatoriamente, das 19h às 20h. Em agosto deste ano, o governo federal regulamentou as obrigações das rádios na retransmissão obrigatória do programa, que, via de regra, deve ter início entre as 19h e as 21h, no horário de Brasília.

No dia 23 de outubro, o Ministério das Comunicações publicou no Diário Oficial da União uma portaria  em que estabeleceu as condições, critérios e procedimentos para flexibilização de horário ou dispensa da retransmissão obrigatória do programa A Voz do Brasil pelas emissoras de radiodifusão sonora. Ontem (17), foi publicada uma  portaria que autoriza a flexibilização do horário de retransmissão do programa além dos horários originalmente previstos no caso de emissoras que desejarem transmitir jogos de futebol da Seleção Brasileira.

19 de novembro de 2020 - 8:49h

Eleições 2020: Campanha para segundo turno começa em 57 cidades

Cinquenta e sete cidades com mais de 200 mil habitantes terão disputa para prefeito no segundo turno nas eleições deste ano. Nessas localidades, que incluem 18 capitais, a campanha já recomeçou  segunda-feira (16), para a nova votação marcada para o dia 29 de novembro.

De acordo com o calendário eleitoral, divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), os candidatos que disputam o segundo turno já podem realizar comícios, distribuir material gráfico e utilizar alto-falantes para fazer campanha. A campanha no rádio e TV só terá início na próxima sexta-feira (20) e se estende até 27 de novembro, dois dias antes da votação. Além disso, nenhum dos candidatos pode ser detido ou preso a partir até a votação, salvo no caso de flagrante delito, conforme previsto pelo Código Eleitoral.

Em função do adiamento provocado pela pandemia de Covid-19, as eleições deste ano têm o menor intervalo entre turnos da história, com diferença de 13 dias. Normalmente, o período é de três a quatro semanas.

19 de novembro de 2020 - 8:38h

Produzida na China, vacina Coronavac chega hoje em São Paulo

As primeiras 120 mil doses da vacina Coronavac, produzidas pelo laboratório chinês Sinovac, desembarcam na manhã desta quinta-feira (19) no Aeroporto Internacional de Guarulhos, um dia antes da data prevista pelo governo de São Paulo. Segundo o Instituto Butantan, a carga especial saiu da China na segunda-feira (16) e deve chegar a São Paulo hoje por volta das 9h. Após desembarco, o material será transportado até o Instituto em um caminhão que receberá escolta especial.

As 120 mil doses já estão prontas para uso assim que o imunizante for registrado e autorizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O lote faz parte da carga de 6 milhões de doses que o governo de São Paulo comprou do laboratório chinês e ficará armazenado em local não informado por questões de segurança.

Na próxima semana, outra remessa da China é aguardada: com 600 litros de insumos da vacina que serão formulados e envazados no Butantan. Tanto as vacinas já prontas quanto a matéria-prima para a formulação das novas doses precisam ser transportadas refrigeradas entre 2 e 8 graus – a mesma temperatura em que é mantida a vacina da gripe, por exemplo. O insumo é líquido e vem armazenado em bolsas de 200 litros, dentro de contêineres nas aeronaves.

19 de novembro de 2020 - 8:28h

Agências do INSS estarão fechadas na próxima segunda-feira

Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) não serão atendidos nas agências do órgão nesta segunda-feira (23). Os locais de atendimento estarão fechados por causa do ponto facultativo correspondente ao dia do servidor público, que foi transferido de 28 de outubro para 23 de novembro.

A transferência do ponto facultativo havia sido autorizada por portaria publicada em edição extra do Diário Oficial da União em 27 de outubro, véspera do dia do servidor público. Na ocasião, o governo justificou que a mudança de data foi necessária para manter os atendimentos agendados, evitando remarcações e transtornos para os beneficiários.

Outros órgãos, como a Receita Federal haviam suspendido o expediente em 30 de outubro e atenderão normalmente nesta segunda-feira. O INSS, no entanto, optou por fazer o ponto facultativo no fim de novembro para desafogar o atendimento nas agências, que cuidam de pedidos e de processos acumulados durante a pandemia de covid-19.

19 de novembro de 2020 - 8:21h

Taxa de reeleição de prefeitos é a maior em 12 anos

Abertas as urnas da eleição da pandemia, foi confirmada a previsão de que as características atípicas do pleito de 2020 favoreceriam prefeitos que disputavam a reeleição. Em todo o país, o percentual de prefeitos que conquistaram um segundo mandato este ano já é o maior desde 2008. Até o momento, 63% dos candidatos a prefeito que tentaram a reeleição obtiveram êxito no primeiro turno. Um número que ainda pode crescer, considerando os que ainda disputarão o segundo turno.

O cenário mostra uma transformação da fotografia política em quatro anos. Em 2016, o percentual de reeleição foi o menor da história, desde a possibilidade de reeleição. Na oportunidade, menos da metade dos prefeitos que concorreram novamente ao mesmo cargo foram bem sucedidos, de 47%.

O retrato eleitoral indica que discursos radicais de antipolítica, uma das principais marcas do pleito de 2018, não teve força relevante no país em 2020. O histerismo que embalou candidaturas bem-sucedidas há dois anos foi ofuscado agora – as mudanças no jogo partidário envolveram mais a reorganização de atores políticos tradicionais do que o surgimento de outsiders. Com os resultados de momento, o percentual de 2020 está abaixo apenas do pleito de 2008, quando 66% dos prefeitos conseguiram renovar o mandato.

17 de novembro de 2020 - 9:27h