Com 180 vagas, Fiart abre inscrições para artesãos e entidades do RN

Abriram nesta sexta-feira (27) as inscrições para o processo seletivo da 25ª Feira Internacional de Artesanato (Fiart), que começa em janeiro no Centro de Convenções. Ao todo, são 180 vagas para artesãos e entidades representativas do artesanato potiguar. As inscrições vão até 3 de janeiro.

As vagas são divididas em 22 para associações ou cooperativas, 135 para artesãos individuais, 5 para artesãos de aromatizantes, essências e cosméticos, além de 18 para artesãos culinaristas. Será limitada a participação de artesãos a um máximo de 15 com a mesma tipologia e técnica empregada, como por exemplo fio e tecidos.

O edital de chamamento foi publicado nesta sexta-feira (27) no Diário Oficial do Estado (DOE) e pode ser consultado também no site da Secretaria de Estado do Trabalho, da Habitação e da Assistência Social (Sethas), que conta com o formulário inscrição.

As inscrições podem ser feitas presencialmente na sala do Proarte, no prédio da Sethas, que fica no Centro Administrativo, das 8h às 15h. Outra forma de inscrição é via e-mail. É preciso enviar a ficha de inscrição que consta no edital e documentos exigidos para o proartern@gmail no período das 8h às 17h. No corpo do e-mail, é necessário informar nome do artesão ou entidade interessada.

A 25ª Fiart acontece entre os dias 24 de janeiro a 2 de fevereiro de 2020, no Centro de Convenções.

Fonte: G1 RN

27 de dezembro de 2019 - 21:29h

Potiguares têm segundo maior gasto com cultura do Nordeste, diz IBGE

Os potiguares têm o segundo maior gasto com cultura do Nordeste, segundo apontou o relatório do Sistema de Informações e Indicadores Culturais (SIIC) 2017-2018. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira (5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

De acordo com a pesquisa, os gastos com produtos e serviços culturais representam 7,2% das despesas mensais de consumo das famílias do Rio Grande do Norte.

Essa porcentagem representa R$ 239,78 em média. Desse valor total, 58% está direcionado para “serviços de TV por assinatura e internet” – que representa R$ 138,92.

Entre os estados nordestinos, apenas os paraibanos aplicam um percentual maior de suas despesas em cultura, numa porcentagem de 7,8%. A média na região é de 6,8%, enquanto no Brasil ela chega a 7,5%.

Fonte: G1 RN

6 de dezembro de 2019 - 7:04h

Dia da consciência negra na comunidade quilombola Negros do Riacho de Currais Novos / RN

Em resumo teve contação de história, distribuição de livros, coroação das rainhas, foto com rainhas, Auto-organização, fortalecimento das potencialidades, Exposição fotográfica e do artesanato local, doação de memórias, lanche coletivo, emoção, alegria, lembranças, novas amizades e um montão de coisa boa.

CONFIRA AS FOTOS

https://facebook.com/story.php?story_fbid=1685359421607201&id=209250479218110

21 de novembro de 2019 - 17:10h