Luva de Pedreiro e ex-empresário não chegam a acordo em audiência de conciliação

Foto: reprodução/redes sociais

A briga judicial entre Iran Ferreira, conhecido como Luva de Pedreiro, e o seu ex-empresário Allan Jesus teve mais um capítulo nesta terça-feira. A juíza Flávia Viveiro de Castro, da 2ª Vara Cível da Barra, no Rio, comandou uma audiência de conciliação, mas não houve acordo. A informação foi confirmada ao Estadão pelo advogado do influencer, Plínio Lemos.

O ex-empresário pede R$ 20 milhões na Justiça para encerrar o acordo com o influenciador, que agora é agenciado pelo ex-jogador de futsal Falcão. O valor é superior ao da multa rescisória estabelecida no contrato assinado em 25 de fevereiro: R$ 5,2 milhões.

A intenção do representante do Luva de Pedreiro era que o ex-empresário Allan Jesus ficasse com 45% de todos os contratos fechados antes do rompimento entre as partes. O contrato de exclusividade era válido até 2025. Mas a proposta não foi aceita nesta terça-feira. Com a negativa do acordo, o processo, a partir de agora, passa para a fase de instrução.

Estadão

27 de julho de 2022 - 7:51h