Gana confirma primeiros casos do letal vírus de Marburg

Foto: NIAID / NIH

Os dois primeiros casos da doença provocada pelo vírus de Marburg, uma febre hemorrágica quase tão letal quanto o Ebola, foram confirmados em Gana, anunciaram neste domingo autoridades sanitárias ganesas.

Em 8 de julho, amostras de sangue de duas pessoas da região de Ashanti, no sul do país, sugeriram a presença do vírus de Marburg. As amostras foram enviadas ao Instituto Pasteur de Dacar (IDP) para a confirmação do diagnóstico, informou o Serviço de Saúde de Gana (GHS). De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), os dois pacientes mortos pela doença não tinham relação um com o outro e apresentaram sintomas como diarreia, febre, náuseas e vômitos.

“Os exames adicionais realizados no IDP do Senegal corroboraram os resultados”, declarou Patrick Kuma-Aboagye, diretor-geral do GHS, em nota publicada neste domingo. “Esta é a primeira vez que Gana confirma o vírus de Marburg.

O Globo

18 de julho de 2022 - 14:59h