Profissionais de saúde representam 33% dos casos confirmados de coronavírus no RN

Dados da Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte apontam que 126 dos 376 pacientes confirmados do novo coronavírus no estado são profissionais de saúde. Dessa forma, eles representam 33,5%, ou cerca de um terço das pessoas que tiveram a doença notificada no estado. A categoria tem prioridade na realização de testes.

Pelo menos dois profissionais da área faleceram com a doença, no estado. O técnico de enfermagem Luiz Alves de Brito, de 48 anos, em Mossoró, e a médica Maria Altamira de Oliveira, de 71 anos, em Natal. De acordo com relatos de familiares, ambos não atuavam na linha de frente contra o coronavírus.

Os profissionais de saúde estão no grupo prioridade para realização de testes, porque eles podem representar risco de transmissão para outros pacientes. Além disso, a doença pode impactar na redução da força de trabalho em um momento de crise. No dia 1º de abril, quando o estado tinha 92 casos, a categoria representava 37% dos pacientes confirmados.

Até esta terça-feira (14), o estado tem 376 pessoas confirmadas com o novo coronavírus e 2.430 casos suspeitos, distribuídos em pelo menos 109 municípios. Outros 1.948 foram descartados para a doença. Ao todo, 18 pessoas morreram vítimas da Covid-19 no estado potiguar.

Fonte: G1 RN

15 de abril de 2020 - 12:26h