UFRN desenvolve lente de contato mais eficiente contra conjuntivite e glaucoma

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) desenvolveu uma lente de contato capaz de liberar medicamentos de várias classes terapêuticas, tais como antibióticos, antifúngicos e anestésicos, e que promete melhorar o tratamento de pacientes com uma liberação controlada da medicação, diretamente sobre a córnea, que tem como consequência direta uma maior comodidade terapêutica.

O produto oftalmológico é produzido a partir de hidrogéis de poliálcool vinílico, um polímero solúvel em água e um agente reticulante, o trimetafosfato de sódio. Neste sistema, é então incorporado um medicamento.

“Essas lentes de contato podem ser usadas no tratamento de diversas doenças oculares, tais como conjuntivite, glaucoma e ceratite fúngica. O que define é a medicação incorporada à lente de contato oftálmica”, explicou Fábia Julliana Jorge de Souza, uma das pesquisadoras envolvidas.

No vídeo abaixo, Fábia dá outros detalhes a respeito da pesquisa. O produto é fruto da dissertação da mestranda do Programa de Pós-Graduação de Ciências da Saúde e os experimentos foram desenvolvidos no Laboratório de Sistemas Dispersos (LaSiD), vinculado ao Departamento de Farmácia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN).

Fonte: Agora RN

4 de março de 2020 - 12:21h