Suspeitos de matarem adolescente potiguar são presos em Pernambuco

Dois homens suspeitos de participação na morte da adolescente potiguar Karolina Oliveira Gomes, de 16 anos foram presos nesta quinta-feira (26) na comunidade do Ibura, em Recife/PE. De acordo com a Polícia Civil da Paraíba, os dois indivíduos estavam com o celular da jovem.

Karolina encontrada morta e sem roupas na cidade de Capim, na Paraíba

Os suspeitos foram presos durante cumprimento de mandado de prisão temporária. Os dois homens se encontram na Carceragem da Central de Polícia Civil, em João Pessoa.

O caso Karolina Oliveira desapareceu na noite do dia 5 de agosto em Goianinha, quando saiu de casa para imprimir um trabalho escolar em uma lan house. Devido ao desaparecimento, a família entrou em contato com a Polícia que realizou buscas pela região, mas até o momento não tinha notícias de Karolina. No entanto, na manhã da terça-feira (6), em Capim, na Paraíba, moradores encontraram o corpo de uma adolescente com marcas de estrangulamento e sem roupas, às margens da RN-091.

O Instituto Médico Legal (IML) da Paraíba foi acionado para remover o cadáver. O corpo estava sem identificação até então. A família de Karolina foi comunicada para fazer um processo de identificação e confirmar se o corpo encontrado era de Karolina ou não, já que o desaparecimento foi registrado. Na manhã da quarta-feira (7), o corpo foi identificado e confirmado pelo pai de Karolina. Após ser examinado, o corpo foi liberado à família para sepultamento. Karolina Gomes cursava o segundo ano do Ensino Médio e era violinista de uma orquestra da escola que frequentava. As investigações continuam por parte das Polícias Civil da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

30 de agosto de 2019 - 8:46h